sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

22. Paulo Ossião

Azulejo
42x28 cm


Por Paulo Alarcão

“ Uma cidade no estuário dum rio, branca vista de longe, dourada do alto dos miradouros ao cair da tarde. Depois estreita e abandonada, quando se desce às ruas e se desvendam percursos quotidianos, cenários de destino infeliz. A Lisboa que fascinou todos os conquistadores, continua a ser descoberta por poetas e pintores, e cantada por fadistas, e será sempre um olhar diferente que nos contará um dia a sua história”.
Esta exposição apresenta uma série de trabalhos sobre Lisboa e a sua luz, bem como alguns desenhos de rara beleza. Amante de Lisboa de corpo e alma, Paulo Ossião apresenta-a como uma Deusa perfeita e imaculada, reflectindo a sua luz amarela num céu azul único, dando a Lisboa uma mancha azulada, tornando-a ainda mais bonita. A Rua Augusta, o Rossio, Telhados da Baixa Pombalina, são retratados numa óptica muito personalizada, por vezes através de uma matiz azulada forte, noutras, mais transparente, mas que em todas elas nos revemos na nossa muito Lisboa, revelando uma intensa criatividade e inovação que o caracterizam no domínio da técnica da aguarela, num percurso que contem mais de 25 anos.
Paulo Ossião apresenta-nos também uma série de desenhos a carvão de excepcional beleza, bem como alguns trabalhos “de meninas” a aguarela.


PAULO OSSIÃO
CURRICULUM VITAE
Nascido em Lisboa em 1952

Prémios:

1981 - Menção Honrosa de Mérito Olissiponense no Palácio Foz-1º Prémio de Aguarela pelo Rotary Club de Sintra- Menção Honrosa no 2º Salão de Outono do Casino Estoril
1982 - Menção Honrosa no 3º Salão de Outono do Casino Estoril
1983 - 1º Prémio de Aguarela pelo Rotary Club de Sintra- Menção Honrosa no 4º Salão
de Outono do Casino Estoril
1984 - Menção Honrosa no 5º Salão de Outono do Casino Estoril
1985 - Menção Honrosa no 6º Salão de Outono do Casino Estoril
1987 - Prémio Câmara Municipal de Oeiras e Prémio Região de Turismo do Nordeste Transmontano- 1º Prémio de Aguarela pelo Rotary Club de Sintra
1988 - Membro do Instituto Europeu de Aguarela
1990 - Prémio Carlos Botelho da Câmara Municipal de Lisboa

Exposições Individuais:

1984 - "A Galeria" , Cascais
1985 - "Galeria Igoper" , Lisboa- "Club Jardins da Arrábida" , Porto- "Galeria Grade" , Aveiro
- "Atrium da Imprensa", Lisboa

1986 - "Galeria do Hotel Albatroz", Cascais- "Galeria R 75", Lisboa- "Atrium da Imprensa", Lisboa
1987 - "Galeria de Arte do Casino Estoril", Estoril
1988 - "Biblioteca Nacional", Lisboa
1989 - "Galeria A Janela Verde", Lisboa- "Galeria Holly" , Lisboa
1990 - "Galeria de Arte do Casino Estoril", Estoril- "Galeria Santiago" , Almada
1991 - "Galeria R 75", Lisboa- "Galeria de Arte do Casino Estoril" , Estoril
1992 - "Galeria Holly" , Lisboa- "Galeria Neupergama", Torres Novas- "Galeria Arte Vária" , Coimbra
1993 - "Galeria A Janela Verde", Lisboa- "Galeria Triângulo 48" , Restelo
1994 - "Palácio Beau Séjour", Lisboa- "Galeria S. Francisco",Lisboa- "Loios Galeria",Porto
1995 - "Galeria Arte Vária", Coimbra- "Galeria de Arte do Casino Estoril" , Estoril- "Museu da Água", Lisboa- "Galeria Janela Verde", Lisboa
1996 - "Galeria S.Francisco" , Lisboa- "Galeria Holly", Lisboa
1997 - "Galeria S.Francisco" , Lisboa - "Galeria Arte Vária" , Coimbra
1998 - "Almadarte" , Costa da Caparica- "Casino Estoril", Estoril- "Galeria Verney", Oeiras
1999 - "Galeria de Arte do Casino Estoril", Estoril- "Galeria Janela Verde", Lisboa-"Arte Vária",Coimbra
2000 - "Galeria Santiago", Palmela -"Galveias Galeria de Arte", Lisboa - Galeria Almadarte, C.Caparica
2001 - "Galeria Magia Imagem,Lisboa -" Palácio das Necessidades e Galeria A Janela Verde", Lisboa
2002 - "Galeria Santiago",Palmela - "Livraria Barata", Lisboa
2003 – “Magia Imagem”, Lisboa – “Galeria Galveias” –Lisboa
2004 – “Galeria Janela Verde”,Lisboa –“ Galeria Santiago” - Palmela

Sem comentários:

Publicar um comentário